6397 transforma fits relaxados em tendências desejo

A completa transformação da referência “flower power” em peças urbanas,

declaradamente descontraídas pela presença do visual pijama como inspiração principal.

Este foi o mood apresentado pela coleção da grife 6397, onde a

silhueta solta tornou-­se o centro das interpretações como estratégia para propôr

composições arejadas sem cair na armadilha do look certinho. Pelo contrário, a leitura

final trouxe um garotas com jeitão moleque, explorando a pegada masculina em alguns

looks e a associação com o sportswear em outros, que resultou

um estilo “não preciso de moda” no contexto geral do mix.



O jeans que pontuou esta alquimia, além de contemplar as pantalonas,

desdobrou-­se em novas variações de modelagens soltas para capris e boyfriends e

destacou o valor da cintura baixa e do foco no entrepernas solto e relaxado como

proposta de descontração. A mesma lógica foi levada para as leituras do macacão longo,

por exemplo, onde a fisionomia permaneceu familiar, porém o volume direcionou o visual

para um apelo “desencanado”. Já no mix de saias em denim, o corte

evasé sequinho imperou em comprimentos curtos e também médios, na altura do joelho:

sempre com a barra cut-­off e a construção sugerindo a transformação de uma calça

antiga em saia, com as recortes lembrando o gancho emendado por um patch em

triângulo: novamente temos o jeans interpretado tal qual o jeans de estimação, sugerindo

a customização da peça.



As lavagens trouxeram os índigos médios com marcas de bigodes,

rabiscos e enfatizaram bastante o detalhe do sujinho amarelado espalhado em alguns

pontos das peças. Entre os “achados” de tendências colocados pela grife, destaque para

o jeitão surfwear da bermuda com pigmentação amarelada, as

múltiplas versões do vestidinho pijama com jeitão cool e, acima de tudo, as referências

renovadoras para os fits relaxados, que nesta coleção se sobressaíram como principais

propostas desejo.