Ellus traz excesso de informação em um inverno que mescla o denim, couro e vinil

Com inspiração nas gangues de rua dos anos 80 a Ellus trouxe novamente o jeanswear como peça principal e, como várias marcas que se apresentaram na SPFW, ela também mesclou tonalidades contrastantes no denim formando um patchwork de cores em detalhes que se destacam nos vestidos, conjuntos de casacos e calças tanto para os homens com elástico na barra quanto para as meninas em modelagens confortáveis e um estilo street mais clean sem interferências em lavanderia ressaltando o brilho do próprio tecido. Em outras peças como os macacões masculinos, surgem amassados, manchas de sujinho, bigodes em 3D e o logo da marca destacando o ano de sua criação que também aparece com aplicações nas jaquetas. As referências de rua são trabalhadas ainda nos patchs divertidos da saia rodada e do macacão feminino que ganham a companhia de paetês.


Cores ácidas como o laranja, pink e o verde limão e tecidos como vinil, metalizados e couro surgem em diferentes looks juntamente com estampas de correntes nos ternos ou correntes bordadas no vinil transparente de vestidos e capas que aparecem numa profusão de referências, às vezes exageradas, onde a marca pretende ser moderna, mas peca pelo excesso de informação.