Renner traz quatro elementos da natureza em apresentação inovadora

Inspirada em 4 elementos da natureza, a Renner apresentou no último dia 19 de março, seu Inverno 2019, na Bienal de São Paulo. Com formato inovador, os modelos passeavam por instalações que representavam os Cânions, onde entram tons terrosos, pastel, amarelo e estampas românticas com florais, veludo cotelê, tricôs, tie dyes e jacquards, além de saias plissadas, golas vitorianas e laços em contraponto aos elementos utilitários. A sarja vem no marrom, bege ou verde militar em calças croppeds e macacões.

Aurora Boreal tema mais tecnológico que mescla o street e o sportswear em contraste com a alfaiataria e o couro e os queridinhos da estação: os tons neons em diferentes peças e detalhes, além do casaco em matelassê. O tema Floresta vem numa pegada boho artesanal com inspiração nos anos 70 e no western, com destaque para os vestidos de lenço, sobreposições de peças e estampas com xadrezes, correntes, florais, listras e animal print.

E por fim a Água com influência dos anos 80 e 90, com xadrezes e muito jeans em produções urbanas onde entram shapes inovadores como a calça cropped bomber masculina, fits retos com pregas, skinnies com recortes e bolsos laterais, além de shortinhos, coletes e jaquetas oversized ou perfecto e, camisas bem leves. Em lavanderia surgem leves marmorizados por toda a peça, além do delavê, azuis médios com reservas de cor, rasgos e puídos e o denim bruto com aspecto limpo e brilho.

Fonte: Vanessa de Castro | Fotos: Renner