Calvin Klein aceita bitcoins nas lojas físicas em São Paulo

As criptomoedas aceleram o desenvolvimento do mercado de fintechs (startups que trabalham com a otimização de serviços do Sistema Financeiro), e despertam a curiosidade de diversos públicos, inclusive o da moda. Hoje, a Calvin Klein se torna a primeira varejista de moda a aceitar pagamentos de compras de qualquer valor em bitcoins, em quatro de suas lojas físicas na capital paulista.

Essa inserção só foi possível graças a uma parceria com a Foxbit, principal Exchange de bitcoins da América Latina, e a Cloudewalk, rede e plataforma de pagamentos plug and play. O ato de pagamento continua muito parecido com o de cartão de crédito e dinheiro, o cliente utiliza o aplicativo Wallet (responsável por efetuar as transações financeiras) em seu smartphone, lê o QR Code gerado no caixa da loja, e voilà, a transferência é realizada, seguindo a cotação da moeda no dia.

O presidente da PVH Brazil, Fábio Vasconcellos afirma: “Aceitar bicoins em nossas lojas foi uma evolução natural. O projeto está alinhado com as nossas estratégias digitais e nos permite oferecer uma nova conveniência para os nossos consumidores, uma grande parte que já está sando criptomoedas. Somos pioneiros.”

O CEO da Foxbit, João Canhada, também pontua: “A Foxbit e Cloudwalk estão revolucionando a indústria de pagamentos e o ecossistema global da criptomoeda com essa solução e é muito bom contar com uma marca internacional de tanto prestígio como a Calvin Klein como primeira parceira.”

Luiz Sila, CEO e co-founder da Cloudwalk complementa dizendo que a empresa, adquirente digital tem a missão se aceitar todos os meios de pagamentos, incluindo os criptoativos, em suas soluções. E finaliza dizendo: “Somos parceiros da Foxbit desde 2014 e muito felizes de desenvolver esse produto que é pioneiro na indústria em escala global”.

As lojas escolhidas para abraçar a novidade foram: Flagship Store, na Rua Oscar Freire, a Lifestyle do Shopping Morumbi, e as lojas do Iguatemi São Paulo e JK Iguatemi, pois estão aptas a receber pagamentos de compras de qualquer valor em bitcoins.

Fonte: Beatriz Fleira | Fotos: Calvin Klein