Clássico reinventado na nova coleção da Renner

Em um primeiro momento pode parecer uma coleção tradicional, careta, em tons clássicos de preto, branco, vermelho e cinza, contudo, ao olhar mais profundamente as peças e ao descobrir toda a variedade que a temporada traz, percebemos que a Renner anda cada vez mais descolada. Aqui a alfaiataria vem com uma pegada desconstruída, ondem entram sim os tecidos formais, a lã, os xadrezes e listras, porém, tudo numa pegada moderna, onde os recortes, proporções e modelagens brincam de uma maneira totalmente irreverente. Tecidos pesados podem vir combinados aos leves, fits curtinhos ganham tops oversized, o puro algodão surge acompanhados de artigos tecnológicos e as estampas mesclam-se entre florais, étnicas e geométricas.

Entre as peças femininas, destaque para os blazers amplos, camisas assimétricas, coletes com corte à fio, vestidos fluídos em diferentes comprimentos, pantalonas, casacos oversizeds, conjuntos em veludo estampado com inspiração oriental. Para o segmento jovem, o tema rocker não pode faltar em camisetas, jaquetas em couro e camisas xadrezes. Muitas calças ganham cintura alta ajustada e quadril mais folgado. Nos pés, botas em lurex, verniz ou couro, que prometem ser os hits da temporada.

O jeanswear feminino vem super ornamentado e com efeitos destroyers com referências aos anos 80. Aqui entram desde bordados, mistura do couro, brilhos, brocados até enormes rasgos e efeitos marmorizados.

No style do desfile o hibridismo do denim surge na minissaia por cima da calça, as duas salpicadas por aviamentos diferenciados, além de rasgos e puídos. O macacão sequinho continua em alta e, na Renner surge na sarja com estampa de gravataria. Já a jaqueta oversized pode ser usada por qualquer gênero. O black denim vem forte e ganha bordados florais, brilhos na minissaias e efeitos used nos shortinhos.

No segmento plus size surgem jaquetas curtinhas na versão western com franjas nas costas ou modelos alongados que podem ser usados juntamente com calças cropped onde o jeans vem com pérolas aplicadas e esbranquiçados.

Para os meninos a tendência militar continua com os camuflados nas camisas, macacões e jaquetas que ainda podem vir com gola de pele, insígnias e brasões. O tom camelo é um dos principais do Inverno 18 e surge em calças e macacões. As camisas em flanela ganham a companhia de ponchos com estampas étnicas. Eles ainda passeiam com terno xadrez príncipe de Gales, parkas de nylon ou conjuntos de moletom.

No jeanswear os fits slims ou cenoura são cropped e podem vir com barras desconectadas. Em lavanderia, destaque para os azuis mais claros, respingos de tinta, cinzas desbotados, marrom resinado, além de bigodes, puídos, rasgos e amassados.

FONTE: Vanessa de Castro | Fotos: Divulgação / Fotosite