Denim limpo e sarjas leves nas coleções de Igor Dadona e Ale Brito

O terceiro dia da Casa de Criadores foi marcado por muita cor, peças leves e o denim raw em novas formas. Confira as coleções de Igor Dadona e Ale Brito.

Igor Dadona: “Veterano” na Casa de Criadores (ele mantém sua marca desde 2012), o estilista sabe trabalhar muito bem a clássica alfaiataria em looks totalmente reformulados, muitas vezes com sobreposições de saias em modelos alongados, confortáveis ou mais justos. Para o Verão 2017 a inspiração veio do universo dos uniformes escolares de diferentes épocas e países. “A imposição de um modo a se vestir, sugerido pelos uniformes escolares, foi uma das primeiras grandes formas de expressar a divisão de gêneros entre homens e mulheres, por isso, a coleção propõe a desconstrução dessa imagem separatista a partir da imagem de jovens rebeldes”, afirma Igor.


Seus homens abusam do preto em looks monocromáticos na sarja de algodão onde entram bermudas, calças croppeds, vestidos-camisas, macacões e casacos com detalhes em outros materiais. O denim bruto, limpo e de um azul brilhante se faz presente no casaco usado como vestido que ganha mistura da lã xadrez, além de uma profusão de botões, bolsos e recortes seguindo o aspecto utilitário juntamente com punhos nas mangas e barras com inspiração esportiva. A calça reta caminha no mesmo estilo com abotoamento por toda peça formando palas recortadas. Estampas delicadas em florais miúdos fazem o contraponto ao couro fake. A sarja listrada no vermelho ainda invade peças diferentes em macaquinhos e, blazers com abotoamento duplo.

Ale Brito: Mais uma vez o sportswear vem mesclado ao urbano no Verão 2017. Aqui entram as calças e shorts dos lutadores de boxe em tons suaves no azul e lilás em sarjas super leves para a estação juntamente com os casacões matelassados e quimonos do judô. A alfaiataria também está presente em formas simples, retas e práticas de usar. Formas quadradas, muitos ilhoses, amarrações, fivelas, transpasses e tops croppeds garantem o visual “no gender” da coleção. Cores quentes como o mostarda, laranja e vermelho “aquecem” a estação.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: Marcelo Soubhia/Agência Fotosite