Fórum Internacional – Inovação, Design e Sustentabilidade

O Fórum Internacional de Inovação, Design e Sustentabilidade promovido pelo SCMC – Santa Catarina Moda Contemporânea e pelo sistema FIESC foi realizado no dia 23 de novembro, na sede da FIESC em Florianópolis (SC).

A primeira etapa da programação teve como destaque quatro personalidades trazidas diretamente da segunda cidade mais sustentável do mundo: Portland, nos Estados Unidos. Confira os temas abordados:

Rex Burkholder, presidente do Metro Council, entidade que controla algumas ações governamentais em Portland comentou o funcionamento dessa entidade onde os diretores são diretamente eleitos pelo povo e, acompanham atitudes sustentáveis e de qualidade de vida realizadas pelas prefeituras.

Nancy Hales, diretora da Portland State University que hoje com 30.000 alunos, possui o setor First Stop Portland, do qual Nancy é responsável pelo desenvolvimento de tours de estudo para planejamento urbano com delegações internacionais e estudantes da universidade.

Charles Hales, prefeito de Portland, comentou sobre alguns aspectos diferenciados da cidade que a levaram a se tornar uma cidade sustentável: 18% das pessoas utilizam a bicicleta como veículo de transporte, e a despoluição de rios importantes da cidade e a construção de parques de lazer.

Cristiano Buerger, presidente do SCMC falou sobre a posição do Estado de Santa Catarina no mercado têxtil no Brasil, alertando as entidades governamentais sobre a importância de investimentos nessa área. Comentou sobre a diferença de investimentos em relação a outros eventos que acontecem no mercado nacional, comparando com o PIB. Santa Catarina hoje tem 8 dos 25 maiores grupos de moda do país.

Sérgio Arruda, diretor regional do Senai SC, abordou a criação de novos Institutos do Senai, iniciativa que faz parte de um projeto de estratégias para ganho de competitividade das indústrias de Santa Catarina, cujos cursos proporcionados são voltados à cadeia têxtil e de design no Estado.

Yolanda Leite, integrante da ONU, comentou sobre o projeto de quem tem como compromisso a adesão voluntária das empresas que se comprometem com alguns aspectos relacionados à responsabilidade social e ambiental. Esse projeto batizado como “Pacto Global” foi criado em 2000 pela Organização das Nações Unidas (ONU) . Yolanda comentou que o grande desafio da sustentabilidade é engajar e envolver as empresas menores. “Elas são o chamado motor do mundo”, enfatizou a executiva.

Karine Liotino da Silva, executiva da ABIT-Associação Brasileira da Indústria Têxtil apresentou oficialmente o “Selo Qual” que será um mecanismo de diferenciação para as indústrias, tanto para os seus habituais clientes quanto para a contratação do governo. Mais informações no www.seloqual.com.br .

Rui Ress de Souza, parceiro do evento SCMC, finaliza o Fórum agradecendo a presença dos convidados, e enfatiza a importância de atitudes como essa para Santa Catarina.

IOLANDA WUTZL | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR