Handara anuncia expansão da marca para Portugal

A Handara acaba de investir no modelo de venda direta. A empresa, que há cinco anos teve sua primeira experiência fora do país, agora volta a Portugal com o objetivo de conquistar espaço em todos os países europeus.

O ano de 2019 representará a franca internacionalização da companhia. “Nós já tivemos uma experiência em Cascais, vila portuguesa que recebe muitos turistas. Nosso produto foi muito bem aceito, por isso, estamos de volta”, conta Lúcio Albuquerque, Presidente da Handara.

No Brasil a venda direta é responsável por 95% do faturamento da Handara, e é este modelo que será apresentado em Portugal. A representante da marca em Portugal é Lucinda Raimundo, que afirma que o momento atual é de capacitação e treinamento das consultoras. “O nosso showroom em Carcavelos é um espaço agradável, que inspira as nossas consultoras. A marca Handara desperta um sentimento de paixão à primeira prova, isso porque a qualidade, modelagem e estilo são incomparáveis”, explica.

O país escolhido como porta de entrada para a nova fase da companhia também receberá investimento na área de e-commerce. “A qualidade do nosso jeans está à altura das marcas europeias e o nosso preço é bem competitivo. Embora o custo Brasil seja muito alto, estamos apostando nesse retorno porque o valor agregado do produto é percebido pelo consumidor”, explica Lúcio.

Guide Shop

A novidade na atuação da marca é que a Handara entrará no segmento guide shop. O gerente comercial da empresa, César Madeiro, conta que a expectativa é de alcançar 50 guide shops (modelo de negócio que possibilita a ida do cliente a uma loja física para fazer suas compras, experimentar produtos e em seguida recebê-los em casa), nos shoppings do Brasil em cinco anos.

“Temos cinco mil consultoras espalhadas por todo o país, cerca de 80% delas no Nordeste; e esse número pode chegar a 15 mil em cinco anos, pois o processo de digitalização da marca faz com que pessoas, de outras regiões, nos procurem interessadas em revender os nossos produtos. Estamos digitalizando o negócio”, avalia Madeiro.

Fonte: Redação | Foto: Reprodução