Inspira Denim faz sucesso com exposição no Inspiramais

O Guia Jeanswear/Style WF esteve presente no Inspiramais 2020_II com o espaço Inspira Denim (projeto criado para o Denim Meeting SP) onde os estilistas e designers Leopoldo Nóbrega e Ronaldo Silvestre, apresentaram criações sustentáveis em denim e sarja desenvolvidas através de processos diferenciados e customizados.

A exposição aposta na importância da relação entre sustentabilidade e o denim, abrangendo áreas e situações onde a moda e o eco se interligam e, apoiando estilistas que trabalham com o poder da moda sustentável.

Ronaldo levou peças confeccionadas com sobras das tecelagens Capricórnio e Santanense em modelos que também estiveram presentes durante o Dragão Fashion, realizado em Fortaleza. “Essa parceria foi iniciada aqui no Denim Meeting de São Paulo e acho muito bacana porque trabalho com duas tecelagens que participaram do evento, como Santanense e Capricórnio em um processo de transformação. Existe o “bate caixa” e existe o produto que rompe barreiras que é o trabalho que faço na Re-design, transformando os artigos em peças desejo”, afirma Ronaldo.

“A partir do momento que você conhece a “alma dos tecidos” consegue trabalhar em vertentes diferentes”, continua. “Essa parceria com o Denim Meeting veio só fortalecer muito nesse sentido porque toda a minha trajetória eu defendo a cadeia de produção sustentável e sempre utilizei o denim”, finaliza.

Leopoldo Nóbrega levou a coleção “Pele de Galo” produzida com materiais reciclados em um lindo patchwork de cores e tecidos. “Ao ser convidado pela Prefeitura do Recife para assinar a Direção de Arte e os figurinos da abertura do carnaval 2019, optei por lançar mão dos resíduos de jeans do Polo de Confecção de Pernambuco como ponto de partida para o laboratório criativo, que além da coleção de roupas e figurinos, também inspirou e vestiu a escultura gigante do icônico Galo da madrugada, com 28 metros de altura”, afirmou.

“A modelagem geodésica, confeccionada com triângulos em diferentes tamanhos, aproximou o jeans aos materiais sintéticos tecnológicos, ampliando o repertório visual da proposta conceitual. A confecção de patchworks metálicos, holográficos, neon e multicoloridos em diferentes tamanhos, mostrou na prática, infinitas possibilidades de interação e aplicações além da moda, a exemplo de cenografias urbanas, decoração de interiores, vitrines, esculturas, objetos e outros”, acrescentou Leopoldo.

Ainda segundo o estilista e designer, a “Pele de Galo” absorve 50% dos insumos provenientes dos resíduos de Jeans do Polo de confecção de Pernambuco e poderia ainda absorver os outros 50% dos resíduos de materiais sintéticos dos Polos do Sul, ampliando o repertório de possibilidades com sentido sustentável.

“A oportunidade de expor parte dessa produção no salão Inspiramais, acende o desejo de sensibilizar novos parceiros industriais para mergulhos maiores, através dos seus resíduos em sintonia com a moda consciente, conquistando um território inspiracional estratégico e necessário em sintonia com o desejo contemporâneo”, finaliza Leopoldo.

Fonte: Vanessa de Castro | Fotos: Equipe Guia JeansWear