O retorno triunfal do veludo molhado

Existem tendências que até mesmo São Homobonus – santo protetor dos alfaiates – duvida que um dia possam voltar. Quase sempre exageradas, brilhosas e escandalosas. Uma delas é o veludo molhado. Mas confessa vai: quem já usou, nunca esqueceu. Aquele toque térmico, visual glamouroso e jeitão de festa. A moda todo-o-dia bem que estava precisando ter uma sacudida dessas no look. E foi só a primeira produção corajosa ganhar visibilidade para os caminhos digitais providenciarem a adesão em massa do visual passarela do material – no streetwear, nas digital influencers, no varejo digital. Quer referências? Bottega Venetta em sua coleção de Inverno 2018, e WGSN citando o tecido como macrotendência. Mas principalmente, o Instagram.

Do detalhe do sapato ao look vestido ou macacão franzido – o imaginário coletivo está matando a saudade desse material. E ele nada mais sinaliza do que a otimização das tendências passadas e perdidas na memória. Resgata também o luxo – com uma certa ausência de culpa pela ilusão de peça recuperada. Afinal todo mundo sabe que o veludo molhado “é antigo”, “é ultrapassado”, “nunca mais vai ser usado”. Até que ele encontrou o adjetivo cool, ganhou uma química com a t-shirt branca, com o jeans rasgado e toda essa sabedoria de moda caiu por terra. E é aí que entre o design brechó, sugerindo um visual de uma peça que não foi comprada. Luxo sem remorso. O que poderia soar mais fino do que isso?

E então – closets de inverno – preparem-se. Teremos botas, scarpins de veludo. Teremos blazers molinhos, charmosos e irresistíveis desenvolvidos no material – piscando para os clientes nas araras. Vestidos e macacões pantalona para looks total velvet avassaladores. Peças únicas em veludo, arrebentando paixões e saciando o impulso de compra pela roupa não repetível. Teremos camisas com desenho utilitário interpretadas no material – jogadas no look jeans ajustado. Regatas de alcinha prontas para vestir a produção denim. Mas acima de tudo teremos veludo – bem no topo da wishlist dos gostos e preferências das consumidoras mais vaidosos do planeta. É um retorno triunfal – com jeitão de festa de 15 anos ou casamento. Uma vibração de look especial – diretamente para a rotina. Tem medo de errar? Combina com jeans – como nas sugestões abaixo. E enjoy your look!

Fonte: Vivian David | Fotos: Reprodução