O apelo comercial vaidoso das pantalonas e pantacourts

Só existe um argumento capaz de fazer a consumidora de jeans nacional trocar o ajuste do elastano pelos cortes soltos do jeans: a feminilidade. Quanto mais forte for esse discurso na modelagem, maiores as chances de uma modelagem nesse estilo, virar hit na estação. Foi o que aconteceu com as pantalonas e pantacourts. A mulher brasileira (e consumidora de jeans global), já andava saudosa por uma leitura de saia longa, que pudesse ser vestida com conforto equivalente ao jeans nosso de cada dia. E daí, vem os entrepernas evasé, afunilando cinturas e jogando balanço na caminhada feminina, devolvendo esse tipo de efeito lisonjeiro à produção.

E é por esse motivo que a dramaticidade desses fits figuram entre os locais de destaque nas coleções de jeans do Inverno 2019. Na variedade de pantacourts, encontramos principalmente as lavagens médias, explorando o desenho da five pockets. São modelos que aparecem diferenciados por abotoamentos laterais, induzindo o consumidor ao exercício do styling através da abertura opcional de fendas nas laterais. Ainda no mix de azuis médios, a temporada sublinha o desejo pelo estilo setentinha, com cós mais largo, abotoamento frontal, e bolsinho externo.

A força deste fit na estação pode ser identificada também pela sua presença em outras cartelas, como o black para o look urbano, o branco para a ocasião especial, o delavé enfeitado e o listrado fashionista. Também por variações no seu giro de bainha, que pode ganhar estilos mais sequinhos com jeitão de cargo ou proposta esportiva, para uso com tênis e blusa essencial. Ou ainda, pela modificação de algumas silhuetas de macacões longos.

Já em formato longo, as pantalonas alternam-se entre o vintage e os acabamentos mais uniformes e look dry. No aspecto liso, da mesma forma que as pantacourts, os modelos longos do fit se diferenciam por abotoamentos laterais, proporcionando a multiplicação dos seus modos de vestir no look. Também por construções com fechos centralizados, permitindo a regulagem da largura, do visual reto para o evasé. Já no estilo vintage, exploram visual upcycled, com prolongamentos de giro de bainha em tons contrastantes completando seus comprimentos. Ou ainda, reservas de pigmentos e recortes, partindo a calça em tonalidades.

Passando do inverno 2019 para o Inverno 2020, percebe-se uma evolução do fit, para estilos cada vez mais relacionados ao visual icônico, trabalhados com reservas de pigmento, devorês, e marcas do tempo. Também para versões com discurso conforto em qualidade, em acabamentos macios ou coloridos em tom navy. Um sinal de que o fit se eleva em importância, consagra sua silhueta, e bate à porta do hall dedicado aos clássicos do setor, ao longo das próximas estações.

Fonte: Vivian David | Fotos: Reprodução

Assine o Guia de Tendências

O Guia de Tendências by Guia JeansWear é um serviço de pesquisa de tendências para o segmento jeanswear. Para saber mais sobre como podemos ajudar ainda mais no desenvolvimento de coleções assertivas para sua marca entre em contato pelo email atendimento@guiajeanswear.com.br ou pelo telefone (11) 2475.1113.

  • Ano Novo, material novo

    Está na hora de desenvolver novas coleções e nós do Guia JeansWear estamos aqui para te ajudar, conheça agora mesmo nossos planos para assinatura de material exclusivo.

Assine Agora