Amsterdã respira o blue jeans em looks totais no denim

Amsterdã, na Holanda, sempre foi considerada uma região moderna, de vanguarda, onde “quase” tudo é liberado, inclusive na moda. Passeando pelas ruas da cidade, observamos um apelo ao mesmo rústico que remete ao início do denim e com um quê de alta costura, onde a produção é valorizada por colete e gravata mesclada à calça com a barra mais curta para os homens e denins puros e limpos no bruto ou black e detalhes como palas de smoking para as garotas.


Os meninos valorizam muito os looks inteiros no jeans mesclando aspectos vintage com manchas amareladas, esbranquiçados, bigodes e, puídos, além de peças em sarja no marinho, bege ou black, em camisas, jaquetas, blazers e calças. Os fits podem ser confortáveis ou mais ajustados, tudo bem moderninho. E as lavagens variam do bruto ao azul médio ou baby blue em tecidos leves e limpos. Quando o denim vem com aspecto raw, um leve brilho confere sofisticação à peça, além de costuras marcadas no ocre ou no branco em bolsos desestruturados. Puro charme. As barras viradas, tanto nas croppeds, quanto nas modelagens comfort, são essenciais para este público mais moderno. Para complementar as produções do público masculino, cachecóis, jaquetas em couro, camisas em lindas sobreposições, além de botas pesadas que valorizam o estilo descolado. Os mais ousados abusam de comprimentos ainda menores com a barra enrolada e muitos efeitos useds com furos, rasgos, manchas de sujinho e desfiados, além da sarja com respingos de tinta como se fosse uma tela em branco.


Agora, abordando o visual feminino, elas seguem a mesma pegada street com glamour e despojamento abusando das skinnies no black, croppeds ajustadas ou boyfriend com muitos rasgos, bigodes e puídos. Calças bem larguinhas ganham efeitos de patchworks em diferentes lavagens, manchas e reservas de cor e vem combinada à jaqueta em sarja com estampa camuflada e camisa xadrez, sem medo de misturar diferentes referências. As estampas no denim ainda invadem as camisas com lindas bolinhas no jeans mais escuro. E o que dizer do macacão no baby blue, leve e limpo, com pregas, ilhós e pala que remetem ao smoking masculino? Não precisa de mais nada para chamar atenção na rua, ela ainda mesclou o modelito com scarpin e meias grossas, sem deixar o visual pesado.


As croppeds com ou sem barra virada podem vir acompanhadas de camisas ou jaquetas em looks totais no denim em diferentes lavagens, onde o azul do jeans vem totalmente em evidência.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: REPRODUÇÃO