Dos anos 50 aos 80 com muito glamour e conforto

Podemos dizer que o Verão 2016 será marcado por um jeanswear de luxo, com aspecto de alfaiataria e focado mais na modelagem do que necessariamente em lavanderia e seus efeitos useds. Essas são as principais apostas das marcas que apresentaram denim nas passarelas da última edição do SPFW.


Cada vez mais o jeans ganha status de luxo e surge com aspecto limpo e fios nobres que revelam seu brilho, maciez e toque suave. Ele vem redesenhado em novas modelagens como nos vestidos ou jaquetas que ganham recortes, alças, costas vazadas ou franjas. A inspiração em diferentes marcas passeia pelos anos 50 com cintura mais alta, hot pants e tops-bustiês, pela década de 70 com as flares – uma das principais modelagens da estação e anos 80 com fits mais soltos e exagerados e toques esportivos, inclusive com a utilização do denim com aspecto moletom.


A mistura de lavagens (delavê, baby blue ou raw) formam lindos barrados na Cavalera ou ganham formas geométricas na Amapô. Tons esmaecidos como o rosa, azul ou amarelo bebê chamam atenção juntamente com terrosos como o mostarda, marrom ou o verde musgo.


Entre os beneficiamentos, somente aTNG investiu no vintage com puídos, rasgos e desfiados e toques de sujinho de areia no fundo crú. A marca também aposta no floral, uma das poucas estampas vistas para a estação, confirmando o visual super clean do denim. Já os marmorizados, respingos de tinta e reservas de cor permeiam diferentes coleções sugerindo o frescor do verão em peças mais soltinhas ou com recorte quadrado.


Vimos muitos vestidos rodados, coletes, jaquetas slims ou utilitárias com múltiplos bolsos para homens e mulheres, shortinhos, flares, skinnies ou capri, pantacourt e macacões. Camisas e saias vieram em menor proporção. Detalhes como bordados no próprio denim ou em outros tecidos e correntes incrementam ainda mais o jeanswear para o Verão 2016.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: Marcelo Soubhia/ Ag. Fotosite