Aspecto de alfaiataria ou profusão de lavagens agregam valor aos coletes

Assim como as jaquetas e camisas, os coletes complementam produções que caminham por diferentes estilos, faixas etárias ou estações. Para o Verão 2016 eles seguem duas vertentes: uma vai em direção ao aspecto alfaiataria em tecidos com pesos leves e lavanderia clean em tons claros, com mistura de nuances ou ainda seguindo o estilo Chanel com textura conquistada através de laser, recorte arredondado e pedrarias.


Já a outra opção carrega e valoriza os beneficiamentos em modelos clássicos ou em fits slims, sempre com muitos rasgos, puídos e desfiados nas mangas. Reservas ou descarregamento de cor invadem vários coletes que ainda ganham bolsos aparentes e martingales. A mistura de tecidos e patchs incrementam modelos com pegada rocker unindo o couro ao denim.


É importante salientar a estamparia digital ou a laser que discretamente se sobressai no jeans clarinho com florais ou na padronagem étnica do forro. Ainda sobre texturas, destaque para as listras que surgem em uma junção de bolsos diferenciados e com toque artesanal. As lavagens vão do azul médio ao delavê, mas há espaço ainda para o black com esbranquiçados, aplicação de resina e gola alongada – ideal para os moderninhos.


Os aviamentos também fazem toda a diferença nos coletes e, podem receber banhos no dourado, prata ou cobre seguindo a mesma inspiração de plaquinhas e etiquetas com o logo da marca. Normalmente os bolsos menores acompanham e se destacam nas peças, mas há também opções cleans, somente com costuras marcadas e brilhos discretos.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR