Aviamentos inventados

Mesmo com toda a diversidade de aviamentos disponí­veis no mercado da moda, o segmento jeanswear reafirma sua boa fama de rebelde ao inventar uma cartela própria embutindo materiais antes utilizados como acessórios na própria construção das peças, ou rearranjando antigos aviamentos e utilizando avesso, costuras e pespontos para simular efeitos de cadarços e vivos.

Um bom exemplo é a Fornarina, que inventa uma espécie de vivo a partir de tiras de couro e strass trançados.Tudo para contornar seus bolsos com exclusividade.

Já a Salsa utiliza argolas e principalmente correntes – materiais antes usados como penduricalhos – para desenhar efeitos semelhantes a vivos nas peças. Para obter tal efeito, cria toda uma construção diferenciada em bolsos frontais e traseiros.

Aliás, as correntes foram os principais materiais aplicados pelas grandes marcas como aviamentos: a Busurbanwear aplicou correntes finas no cós e grandes e largas nos bolsos traseiros, já a Guess utilizou-as em decotes de jaquetas enquanto a Diesel inseriu-as nas laterais compondo estilosos cadarços.

Outra proposta que já vem sendo trabalhada desde temporadas anteriores e que esteve presente nas coleções da Busurbanwear e Tribeca, é o alinhamento de taxas em sentido vertical formando uma espécie de vivo metálico nas laterais das calças jeans.

E para finalizar, a marca Watt wash confeccionou uma espécie de cadarço utilizando pespontos vermelho e o próprio denim no avesso na lateral das peças.

Inventar novas funções para aviamentos e acessórios ou até mesmo confeccioná-los a partir do próprio denim é uma maneira de afirmar excelência em criação e principalmente de conferir exclusividade a coleção. Fica então a dica: ao aplicar um aviamento pense em deslocá-lo de sua função original, mimetizando o efeito de algum outro ou mesmo pense em como transformar retalhos do próprio denim em aviamento.

VIVIAN DAVID | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR