Brasil e África são as inspirações para o Verão 2015

O Brasil inegavelmente é a bola da vez em meio a Copa do Mundo e às Olimpíadas que acontecem em 2016, por isso, nada mais natural que o olhos se voltem para toda a nossa natureza exuberante com a fauna, flora, paisagens marítimas e a cidade do Rio de Janeiro como destaque. Essa é a principal tendência apresentada para o Verão 2015 durante a 43 edição do Senac Moda Informação que aconteceu no dia 26 de fevereiro, em São Paulo. As multietnias passeiam ainda pela África e seus tons terrosos, estampas de bichos e formas alongadas, mas há espaço também para arte geométrica do México e Peru. Os outros temas mesclam o romantismo e a sensualidade dos anos 20 em tecidos fluídos, transparências, babados, fitas, rendas e tons assovertados. E, por último, a tecnologia dos tecidos em looks inspirados no sportswear que já invadiu looks funcionais, com um quê futurista e toques do grafite em tons clássicos e urbanos como preto, branco, cinza e vermelho.


O evento em novo formato apresentou palestras mais compactas com profissionais de renome e a exposição de 70 looks pesquisados no mercado europeu, além de 25 peças em jeans com apoio da GB Lavanderia.


Conheça as apostas dos principais segmentos.


No feminino jovem a consultora Denise Morais destaca a sensualidade em vestidos mais ajustados, o toque esportivo em peças em neoprene, o colorido das etnias e o romantismo em tons suaves com inspiração nas lingeries. Peças-chave da estação: os tops croppeds, batinhas com bordados, rendas e tule na cor branca, camisetas com frases de efeito ou lúdicas, saias skaters, macaquinhos, macacões e estampas que passeiam entre os florais, principalmente a margarida, boquinhas, corações e o rosto do tigre.
O jeans pode vir no delavê com marmorizados e as sarjas colors invadem calças e shorts com bordados e cintura no lugar.


No jeanswear feminino, o consultor Itaguaçu Ferreira aborda a importância do “denim art” com um forte trabalho de lavanderia em calças boyfriend ou skinnies. As várias tonalidades de azuis recebem tratamentos diferenciados valorizando as peças e conferindo ares luxuosos. A estamparia e as texturas vêm muito forte juntamente com os efeitos vintage como destroyers, desgastes, puídos, remendos, patchs e detalhes como couro, tachas, lantejoulas, correntes. Destaque para os resinados, metalizados, malha com aspecto denim com cara de moletom e inúmeros beneficiamentos e o denim raw somente amaciado que remete ao início do jeans.


No masculino o consultor Maurício Lobo destaca peças slims, malhas diferenciadas, detalhes e desgastes. As bermudas em sarja são mais justas e curtas e ganham uma infinidade de cores e estampas. E, o jeans vem com mistura de tecidos como a sarja, couro ou moletom.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR