Camisas femininas ganham destaque

Em cada estação sempre tem alguma peça que se destaca mais no jeanswear. Os shorts, por exemplo, já algumas temporadas, seja no inverno ou no verão, têm lugar garantido, principalmente no segmento jovem. Contudo, desde o ano passado, temos observado o crescimento das camisas em looks descolados e em diferentes faixas etárias. Nas produções totais no jeans, elas substituem as jaquetas em dias mais quentes e fazem sucesso com novas interpretações e estilos.


Em nossa pesquisa pela Europa, conferimos uma infinidade de opções de Fast Fashions como a Bershka, H&M, Guess até marcas tradicionais no denim como Desigual e G-Star, que apostam em peças leves com esbranquiçados marcados, “bolsos falsos” e costuras em zigue-zague nos ombros nos modelos da Bershka; Palas, recortes e botões ganham destaque juntamente com os efeitos vintage ou ainda modelos cleans no bruto.


Já a Desigual, famosa pelos bordados, mescla o colorido dos florais ao algodão e o denim em detalhes ou ainda com o xadrez da flanela, seguindo diferentes estilos: do romântico ao grunge. A Zara também mesclou a estampa com cotoveleiras em sua camisa no jeans super leve. A G-Star valoriza o aspecto limpo, modelagem impecável e tonalidades escuras em fits slims.


A Guess trabalhou o glamour em sua camisa mesclando o modelo smoking com pregas e a Lyla Lyla surpreendeu pelo cuidado com os detalhes internos, que vêm estampados. A utilização de aviamentos que adornem camisas sem interferências é uma ótima solução para incrementar os modelos, como os brilhos e spikes das peças das marcas Malcott, Only e YesNo, com mistura ainda de tonalidades claras e rendas.
As lavagens variam do délavé ao bruto, passando pelos azuis com esbranquiçados e costuras marcadas. Na Stradivarius, o detalhe de passante nas mangas e aplicação de patchs chamam a atenção.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR