Coca-Cola Jeans traz formas amplas e mistura de tecidos

A grife que acaba de trocar o nome para Coca-Cola Jeans (antes Coca-Cola Clothing) entrou no clima de Copa do Mundo investindo em uma moda inspirada no Brasil com referências a estampas de folhagens e as cores verde, azul, branco e amarelo, além do vermelho, o tom característico da marca, conhecida pelo jeitão street e totalmente jeanswear.


Bruna Marquezine abriu o desfile em look total branco que mescla a sarja a tecidos tecnológicos. E é essa brincadeira que a grife gosta de fazer: misturar materiais, texturas, volumes, bordados ou aplicações no dourado ou prata conferindo modernidade às peças.


Para eles, bermudas, calças, jaquetas e casacos em sarjas, malha, couro ou materiais inovadores. Elas amam os top croppeds, saias curtinhas, casacos e calças justas. Destaque para a sarja skinny com recortes, aplicações de joelheiras e aviamentos dourados. Grafismos se formam como detalhes em outros tecidos aplicados às peças.


O jeans vem mais claro com esbranquiçados, costuras marcadas e estrelas aplicadas, além de um lindo trabalho de patchwork de lavagens enaltecendo diferentes formatos gráficos em bermudas, calças, jaquetas e coletes masculinos e, no look feminino com calça de cintura alta e jaqueta com gola arredondada.


As formas são amplas na maioria dos modelos, como nos jaquetões, moletons e vestidos retos das meninas com detalhes em couro.


Na passarela, ainda os atores Isabelle Drummond e Kayky Brito.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: AGÊNCIA FOTOSITE