Denim hippie e minimalista por Marques Almeida

Para quem acompanha a trajetória do denim nas passarelas, eram grandes as expectativas com relação à apresentação da coleção de Marques Almeida, na temporada de desfiles do London Fashion Week. A casa recentemente havia trabalhado o conceito grunge em sua coleção anterior, utilizando a linguagem cut off em camadas e sobreposições, enfatizando o blue denim.


Já em sua coleção atual de primavera/verão 2014 (equivalente à 2015), Marta Marques e Paulo Almeida, criadores da casa, repetiram a dose quanto ao material principal, entretanto o mix logo se diferenciou da coleção passada nos volumes e formas, que demonstraram claramente a influência da Índia em algumas construções. A referência étnica “vestiu” bem o estilo hippie, que foi combinado ao visual minimalista dos anos 90.


Umbigos de fora, muitos tops com amarrações e ênfase nos acabamentos desfiados foram recorrentes na coleção que, além do índigo, trabalhou tons suaves de verde, rosa e azul esfumaçado. As lavagens, variaram do azul intenso ao índigo médio lavado, até chegar no white denim. Já os fits, evidenciaram a importância da flare e das pantalonas para o segmento, assim como o tema hippie como uma influência pertinente para a temporada. Entre os bons detalhes que caracterizaram o estilo, destaque para a ausência do cós, o retorno da cintura saint-tropez e o diálogo fresco do jeans com os materiais vaporosos e cristalinos como a organza.


ViVIAN DAVID / FOTOS: REPRODUÇÃO