Evento traz macro-tendências para o Inverno 2011

Realizado na última quinta-feira, 30.09, em São Paulo, o Senac Moda Informação apresentou as principais apostas para a temporada de Inverno 2011 brasileira, com pesquisas elaboradas por profissionais atuantes no mercado, convidados pela instituição.

Realizado desde 1993, a 36ª edição do evento despediu-se do Memorial da América Latina, pois a partir do próximo ano será realizado no Anhembi e contará com novidades.

O portal Guia Jeanswear esteve mais uma vez presente, visitando estandes e palestras que serão abordadas em nosso conteúdo. Abaixo, um preview das principais confirmações e apostas:

Temas

A seleção de material, efetuada através de meios de comunicação e viagens às capitais produtoras de moda – como Nova York, Milão e Paris – é condensada e para esta temporada foi subdivida em cinco macro-tendências, apresentadas por Tatiana Putti, coordenadora da área de moda do Senac São Paulo. São elas:

Arte Moderna – o minimalismo modernista influenciado no cubismo, suprematismo russo, Bauhaus e artistas como Mondrian e Malevich servem de ponto de partida para as inspirações. Os clássicos surgem atualizados com um futurismo retrô minimalista. Aqui entram estampas geométricas e psicodélicas, blocos de cores, listras, vestidos em A, tecidos tecnológicos e precisão geométrica.

Dioríssimo – o new look da Dior serve de referência para um tema romântico, glamuroso e sedutor. Saias rodadas, tulipas e lápis, cintura marcada e todo um moodlady like criado a partir dos anos 50 e do seriado Mad Man. O objetivo é acentuar as curvas e ressaltar a feminilidade.

Clube Dandy – elegância atribuída a partir de elementos clássicos do guarda-roupa masculino. Sob a influência da alfaiataria, os anos 90 retornam através do minimalismo. A inspiração militar aristocrática e aviador trazem bolsos utilitários, patches, jaquetas aviador e uma gama de verdes e caramelos.

Remake 70 – uma das temáticas mais fortes da estação (e que ainda sobrevive no Verão 2012) surge a partir da vontade de resgatar o bem estar e a qualidade de vida. Dividida entre boho, folk, preppy e libertação feminina traz diversas possibilidades para serem trabalhadas na temporada como florais, calças flare, tricots, vestidos fluidos, coletes de pelo e a alfaiataria.

Riff Rock – apesar de não mais tão expandida, a influência rocker não poderia estar de fora da estação mais fria, que aparece inspirada pelos músicos dos anos 70, 80 e 90. O Glam Rock traz exagero comandado também pelo cantor Prince. Já o romântico aparece ligado ao visual gótico e vitoriano. Vale também o visual J-rock, em uma mistura de estilos dos ousados japoneses. Já o streetwear é guiado pelo grunge e pelos anos 90.

MARCELA LEONE | FOTOS: REPRODUÇÃO