Feira Denimsandjeans virtual surpreende pela interatividade

Para os eventos de moda, além da recessão econômica, um dos maiores desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus tem sido reproduzir o astral positivo e a vibração atraente das edições presenciais. Em geral, na migração para o formato online se perdem elementos como o cheiro, a música e a movimentação. Mas é perdida, principalmente, a experiência despojada de transitar livremente pelos corredores, sentar-se a mesa com um representante e deixar que uma conversa descompromissada revele um produto surpreendente.

Foi exatamente este gancho, do encontro inesperado com uma oportunidade, que a edição virtual correspondente ao Inverno 2021 da Denimsandjeans buscou manter ao máximo. O evento indiano, que aconteceu entre os dias 22 e 23 de julho, manteve diversas características da edição física. Logo ao ingressar na feira, o visitante se deparava um uma aba a esquerda, com diversos ícones reproduzindo experiências do formato presencial.

Em Floor, o visitante poderia visualizar todas as marcas supostamente alocadas em um “andar”, enquanto no Stage eram transmitidas simultaneamente diversas apresentações dos expositores, o participante podia interagir escolhendo qual assistir. Já no Lobby, diversas mesas reproduziram a área de encontros e os participantes podiam escolher uma cadeira ou “sentar-se a mesa” com os demais para bater um papo por mensagem.

Além disso, clicando em Booths, era possível tanto acessar o release das marcas, quanto simplesmente iniciar um streaming “face to face” com um representante das companhias presentes. Este, sem dúvida, o recurso mais interativo de todo o evento digital.

As apresentações da área digital Stage sinalizaram algumas direções do mercado mundial. Especialmente no de tendências, onde o vídeo Super Sustainable destacou a importância das composições com Cânhamo, fibras reaproveitadas e Refibra®. Entre os produtos apresentados no vídeo, destaque para o Hemp da Blue Diamond, artigo hipoalergênico, antibacteriano, resistente aos raios solares e livre de pesticidas que leva Cânhamo na composição.

O mesmo ingrediente, também esteve presente no mix da AGI Denim, através do produto Acacia Deep Blue. Também a italiana élin® trouxe o elastano de Cânhamo, patenteado no país como forma de manter a produção local. Indigo Textile seguiu a mesma receita nas composições, destacando o efeito laser-friendly nos seus artigos.

Na apresentação Technology/Washing/Chemicals, destaque para produtos laser-friendly. iniciando pela própria Jeanologia que apresentou e-Flow Overdye, acabamento que simula com fidelidade o efeito manchado dos tingimentos manuais e o Zero Acid Wash, solução que reproduz o look das lavagens ácidas em formato sustentável.  

A Officina +39, companhia que propõe pigmentos com procedência em fibras descartadas, apresentou o Oz-One Powder, pigmentos que reagem ao laser nos tons indigo, colorido e black sulfuroso resultando em tonalidades irregulares lembrando acabamento acido.

Ingredientes químicos também seguiram a linha da sustentabilidade, sempre propondo a ideia da racionalidade e do custo-benefício. Archroma, empresa que destacado pelo mix de ingredientes livres de anilina, destacou o o sistema Denim Vibe, que propõe um azul iluminado por um custo reduzido.

Além de não conter anilina, o sistema integra ingredientes como o Diresul® Ocean Blues lig, que recebeu o certificado de ouro como produto saudável pelo Instituto de Inovação Cradle to Cradle. Também o Pure Indigo Flow direcionado para os acabamentos autênticos do jeans.

Importante destacar que todos os participantes apresentaram produtos abrangendo do básico ao fashion. No entanto, por básico, leia-se qualidade nas composições e características com potencial para otimizar a lavagem. Especialmente nas abordagens do visual black e do jeans clássico, que se mostraram fortes neste mix. Já por fashion, entenda-se característica laser friendly, onde as tecelagens destacaram o retorno do mix manchado e dos tingimentos coloridos trabalhados.

Fonte: Vivian David | Fotos: Reprodução