Masculino reinventado para a temporada de inverno 2016

“Com o olhar claramente voltado para as ruas, de onde se tira toda a lição sobre comportamento de uso, as passarelas criam o encanto e apresentam clássicos reconstruídos, novas possibilidades e muita sobreposição”, afirmou o consultor de moda Mauricio Lobo em sua palestra sobre o segmento masculino durante o Senac Moda Informação. Das ruas obtemos uma infinidade de inspirações que se encaixam perfeitamente dentro dos três temas abordados para o Inverno 2016.


Do Boho 4Ever buscamos referências do lenhador das montanhas com muito xadrez e terrosos. A principal modelagem para as calças é a cenoura com a cintura mais alta, barra justa e quadril solto. A tradicional chino ganha novas cores, detalhes e bolsos com recortes. As sobreposições são muito importantes com moletons, camisas, jaquetas e tricôs. Destaque para o jeans skinny com elastano e efeitos destroyed. No tema Je suis Moderno surgem tons como o cinza, verde claro e coral e estampas divertidas. As calças seguem o estilo esportivo no denim moletom com punhos e elástico ou na alfaiataria com silhueta ajustada e curta. No Vitoriano Gótico o foco é o pós punk do começo dos anos 80 com muito denim black e detalhes de zíperes e acabamentos em resina. O couro chama atenção em jaquetas e calças com influência biker. As camisas ganham modelagem slim e estampas com florais ou arabescos.


Jeanswear


Em passarela o jeans surge ou em tons muito claros e descarregados ou no bruto, somente amaciado. Já nas ruas, segundo Mauricio, o destaque fica por conta dos efeitos useds com puídos, desgastes e, principalmente, o sky bleach mesclado ao destroyed. Em relação à modelagem o fit slim continua com força e ganha cada vez mais alto power, barras mais curtas e recortes nos joelhos. Já o denim com aspecto de moletom garante o toque esportivo com efeitos resinados e detalhes em 3D com amassados.


A camisaria vem com força no tie dye, com respingos e manchas ou ainda padronagem de gravataria. As jaquetas passeiam entre a trucker com pelo na gola, aplicações e bolsos embutidos, mais alongadas com detalhes de zíperes ou sporstwear com punho. “O destaque final fica por conta da lavanderia, utilizando cada vez menos água para o beneficiamento e muitos efeitos de superfície para desgastar o índigo blue”, finaliza Mauricio.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR