O segredo é o lifestyle

Na última semana, a Folha de São Paulo realizou no Teatro do Hotel Renaissance em São Paulo um seminário com o tema: Construindo Marcas de Sucesso. No primeiro dia estavam presentes profissionais de sucesso como Luis Justo – CEO da Osklen, Marcio Utsch – Presidente da Alpargatas, Ricardo Ferreira – Fundador da Richards e Valdemar Iódice – Fundador da Iódice. Além de Alcino Leite Neto, Ex-editor de Moda da Folha e atual Editor da Publifolha.

O Guia Jeanswear esteve presente nos dois dias de evento, e revelará os segredos de quem conseguiu transformar sua marca em um grande case de sucesso.


Fení´menos culturais

Alcino Leite foi quem deu iní­cio ao seminário, apontando as principais semelhanças entre as grandes maisons parisienses. Uma marca é não é apenas um negócio; é um fení´meno de cultura, frisou.

Para o Editor, não é necessário se ter um gênio da costura como Balenciaga na frente da equipe, precisa-se sim realizar uma tarefa cultural e conseguir fazer parte do imaginário das pessoas. Dener e Zuzu Angel foram nomes que dominaram o imaginário brasileiro; e se fosse para apostar no ressurgimento de uma marca, Alcino Leite investiria suas fichas em Dener.

Uma marca sobrevive graças a sua capacidade de emocionar os consumidores com suas criações., finaliza.

O segredo é o lifestyle

Engenheiro, o CEO da Osklen defende que o sucesso da marca decorre do conceito de New Luxury que está totalmente ligado ao conceito de estilo de vida. A marca explora a brazilian soul, ou seja, o lifestyle brasileiro, que é admirado pelo resto do mundo.

Atualmente a Osklen é detentora de 57 lojas, sendo 4 lojas internacionais e segundo a Abest (Associação Brasileira de Estilistas) foi a marca que mais exportou em 2009.

Outra marca famosa que explora o lifestyle brasileiro é a Havaianas. Pertencente ao grupo Alpargatas, as sandálias nascem na década de 60 com apelo popular.

í‰ só em 1.996 que a marca sofre um reposicionamento e passa a ter mais aceitação na classe A. Hoje os chinelos fazem sucesso mundialmente e calça atrizes a atores de Hollywood. Já vendemos 3,6 bilhões de pares de Havaianas. Só no ano de 2009 foram 190 milhões de pares vendidos só no Brasil, aponta Marcio Utsch .

Outra carioca (assim como a Osklen) que aposta no estilo de vida despojado do brasileiro é a Richards. O fundador Ricardo Ferreira acredita que pessoas não compram produtos, mas sim relacionamentos. Por isso, faz questão de que suas lojas sejam aconchegantes. Achava que as lojas que conhecia eram sem alma, afirma Ricardo.

Atualmente a Richards tem 75 lojas, sendo 30 destas franquias. A grife também anunciou recentemente uma união ao grupo de investimento Inbrands, já detentor de marcas como Ellus, 2nd Floor, Isabela Capeto, Alexandre Herchcovitch, SPFW e Fashion Rio.

Para nós a união í  Inbrands foi uma oportunidade histórica. O grupo deve se tornar o número 1 do paí­s e o mais rentável. O desenvolvimento constante é a lei da vida. Nós precisamos mudar para competir. Compartilharemos conhecimentos e vantagens, a maior delas será atrair dirigentes de grande talento. Mas o propósito é ficarmos grandes continuando pequenos.

E quando perguntado sobre o possí­vel paradoxo entre a leveza e espontaneidade do lifestyle da Richards e o estilo de vida de seus novos executivos, Ricardo Ferreira rebate: a gente vai fazer que eles fiquem de shorts.

Sucesso paulista

Valdemar Iódice, fundador da Iódice, encerrou o primeiro dia do Seminário. O estilista é paulista e sua mãe era modista. Sua carreira no mundo da moda começa cedo, trabalhado com o tio em uma fábrica de camisas.

Atualmente a Iódice está disponí­vel em 600 pontos de vendas e o grupo está dividido em: Valdemar Iódice, Iódice e Iódice Denim. Valdemar atribui í  sensualidade a fama da marca primogênita, outro indicativo de sucesso da identidade brasileira.

MARCELA LEONE | FOTOS: REPRODUí‡íƒO