Paisagens turvas, flores e uma carona com Andy Warhol

Para a temporada de primavera/verão 2013, a superfície do denim propõem um agradável e diversificado passeio pelo imaginário do imenso público jeanswear: iniciando por um intrigante cenário de paisagens “turvas”, seguido por flores rabiscadas e uma despreocupada caminhada em jardins frescos e românticos até por fim, pegar carona na ironia de Andy Warhol em padrões de carros aplicados sobre lavagens coloridas.


A marca Custo Barcelona traz uma das propostas mais complexas ao incluir em suas coleções estampas que brincam com a luminosidade do white denim aproveitando a lógica dos efeitos de lavanderia em 3D através de aplicações falhadas que destacam os volumes e efeitos retorcidos da peça. O resultado são paisagens “turvas” que por vezes chegam a lembrar a aparência de musgos ou reflexos de água e ainda enfatizam características peculiares ao universo jeanswear.


Destaque também para calças e jaquetas que combinam tal efeito com estampas florais. Nestas peças, a pintura manual e o tratamento do tecido preparam o denim para receber ramalhetes de flores rabiscados em estilos rebuscados dispersos pelo tecido. Mesclando pintura manual, estampa contínua e beneficiamento o conceito de exclusividade se eleva na mesma proporção da complexidade do tratamento recebido pela superfície do mesmo.


Já marcas como Metin Pot, Set e Scotch trazem estampas mais comportadas oferecendo jardins florais frescos e delicados sobre uma cartela de cores que varia do branco ao bege e tons terrosos.


A Pepe Jeans mais uma vez reverencia Andy Warhol e traz estampados irônicos repetindo padrões de carros ou mesmo flores pintadas à mão nas cores prediletas da paleta do artista.


Rosas vermelhas, as preferidas do ego feminino, não foram esquecidas em marcas como Pinkie, em saias rodadas ligeiramente franzidas sobre denim leve.


VIVIAN DAVID | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR