Quarto dia apresenta variedade de cores e estilos

O quarto dia de desfiles do Fashion Rio teve início com desfile de Walter Rodrigues no Instituto Superior de Educação, na Tijuca.


O estilista apresentou uma coleção com cara de inverno em peças pretas ou listradas em calças retas ou mais sequinhas, capas, blusas soltinhas, vestidos e saias longas, mantôs….algumas com modelagens desconstruídas e tecidos como lãs, alfaiataria, musseline, rendas e algodões.
<BR.
São modelos básicos, confortáveis e que podem ser usados no dia a dia, em qualquer ocasião.


Têca

Lindos tons de beges, marrons, crús e clarinhos como rosa e azul coloriram a passarela da Têca, da estilista Helô Rocha,, em peças conceituais que misturam estampas delicadas e construções inspiradas nos quimonos japoneses.


A sarja de algodão ganha lavagens diferentes e trabalhos em patchwork que formam desenhos em camurça.


Malhas levinhas, cetins, moletons e lãs também fazem parte da coleção.


Totem

A cara do Rio de Janeiro, a carioca Totem abusa das peças curtinhas, mesmo no inverno (afinal, as temperaturas raramente descem muito no Rio).


Lindas as misturas de estampas gráficas tanto para eles quanto para elas, em shortinhos, saias longas, hot pants, blusas…quase tudo em modelagens mais justas.


As peças mais soltinhas, como saias, vestidos e calças boca de sino ganham referências dos anos 70, assim como as estampas que lembram aquela década.


O jeans vem em macacões, shorts e jaquetas no bruto com manchas de sujeira.


Dispensáveis, os tricôs com brilho, muito overs para o lifestyle da marca.


Printing

Mesclando o preto com tons flúors e fortes em azul, laranja e amarelo, a marca inova com peças repletas de detalhes com brilhos, penas e estampas em vestidos retos com volume nas mangas, saias, blusas e blazers alongados.


Tanta mistura de cores, texturas e comprimentos mais longos conferiram um ar meio antiquado à coleção.


TNG

Mais uma vez a marca trouxe famosos, agora, Reinaldo Gianecchini e Mayana Moura apresentando sua coleção de inverno.


Com um quê de anos 50, a marca abusa dos jeans curtos, com a barra virada e muito chapéu, para eles e para elas.


Os tons escuros (cinzas, preto ,roxo e estampas xadrezes) marcaram presença juntamente com o estilo masculino-feminino em peças confortáveis para as mulheres e sapatos Oxford.


O jeans ganha lavagens black, acinzentada e azul, do bruto ao médio e vem com leves puídos, riscos, esbranquiçados e marcações.


Bermudas masculinas ganham mistura de tons, desgastes e barra virada no xadrez.


Mantôs, vestidos retos em malha ou mais soltinhos em algodão e com a cintura marcada, trench coats em alfaiataria, calças retas e confortáveis completam a coleção feminina.


Para eles, coletes, calças no estilo cenoura, camisas e paletós usados displicentemente com shorts ou calça jeans e camisa xadrez.


Uma moda super usável que sai direto das passarelas para as lojas da TNG.
<BR

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: AGÊNCIA FOTOSITE