Singer lança nova linha de máquinas de costura com mais potência e robustez

A Singer do Brasil apresentou os três novos modelos de máquina de costura eletrônica que fazem parte da linha HD (Heavy Duty), maior e principal lançamento do ano. Os produtos contam com um motor potente, alta velocidade e reúnem recursos especiais para quem busca um produto robusto e veloz, além de proporcionarem maior rendimento e produtividade na costura.

A linha conta com as versões HD6605, HD6705 e HD6805 e são destinadas às atividades de alfaiataria, costura criativa, patchwork e quilting, artesanatos e pequenos consertos e reparos. As máquinas são as únicas do mercado que reúnem as características eletrônica e HD e contam ainda com uma variedade de pontos decorativos, facilidade no manuseio e permitem a costura de diversas camadas de tecido.

De acordo com a marca, o lançamento evidencia um olhar atento para as demandas crescentes dos consumidores por inovação no setor de máquinas de costura de um modo geral, que avançou de forma exponencial no ano passado.

“Tivemos um forte crescimento na venda de máquinas de costura em 2020, um aumento que seu deu devido à mudança de comportamento do consumidor que, com a quarentena, passou a valorizar ainda mais as atividades manuais, a apreciar peças personalizadas e até pela questão da geração de renda, em que muitos optaram por investir na costura como projeto para empreender”, indicou Concheta Feliciano, diretora de Marketing da Singer.

“Por conta deste cenário, acreditamos que as vendas aumentarão ainda mais em 2021 e decidimos trazer ao Brasil a primeira linha de máquinas eletrônicas e HD do mercado, fortes, com alta potência e que atendem com qualidade e precisão as necessidades dos nossos clientes”, completou.

Fonte: Redação | Foto: Divulgação