Um frescor no ar em tempos de consumo consciente na Capricórnio Têxtil

Pensando no futuro, no meio ambiente e no consumo consciente, a Capricórnio Têxtil lança seu Verão 16/17 com foco na leveza e versatilidade do denim, que precisa sim, ser usado por muitas estações, afinal é uma peça atemporal e curinga no guarda-roupa de crianças e adultos. A campanha traz um frescor no ar, onde o mood romântico com destaque para os florais e os tons clarinhos fazem sucesso tanto no segmento feminino quanto masculino. Conforto e toque macio são essenciais na estação em modelos que vão muito além de calças e shortinhos, alcançando ainda fits como as pantacourts, macacões, quimonos, t-shirts, tops cropped e minissaias.


Entre os lançamentos surgem artigos super leves, tingimentos diferenciados e larguras elevadas. Para a linha de camisaria são três novos produtos que permitem variados efeitos em lavanderia. “Como resultado dos investimentos que nós fizemos no ano passado estamos trazendo uma coleção com larguras acima de 1,60m, com destaque para os modelos femininos, não somente calças, como também salopetes, saias, vestidos, etc. Então focamos em artigos 100% algodão, muito leves, e depois complementamos com os elastanos, que são o grande volume do mercado, porém elastanos com altura acima de 1,60m também, o que praticamente não existe no nosso mercado”, afirma Maria José Orione, Diretora de Marketing da Capricórnio.


Os artigos Nut e Thot, chegam com 5,5 oz, em 100% algodão, na cor Deep Blue, sendo o primeiro de construção tela e o segundo, em sarja 2×1. “O Nut você consegue trabalhar desde o amaciado até um delavê, é bem versátil. Estamos explorando esses tecidos mais leves justamente em peças como o macacão, que são uma tendência muito forte para o verão”, comenta Maria José.
Já o Elba, uma sarja 3×1 com 6,5 oz, em 100% algodão e o Gavi, com 7,0oz em algodão, poliéster e elastano, surgem em uma nova cor, o Sky Blue. Trata-se de um azul elétrico e brilhante que se adapta tanto aos amaciados quanto aos delavês mais claros. Eles surgem também na versão com elastano.


O artigo Vulcano tem visual vintage, em 100% algodão, peso de 9,5oz e construção em sarja 3×1. O efeito cross, dá continuidade à cor Fountain Blue, que promove o conceito da sustentabilidade. O tom desenvolvido em puro índigo, através de um processo de tingimento, permite lavagens com altos contrastes em costuras e proporciona maior facilidade nos processos de lavanderia, com economia de água, tempo, energia e mão de obra nas lavagens. O resultado é uma marcação de costura mais rápida em todos os processos, trazendo benefícios ambientais e redução da ordem de 30% em lavanderia. No Intense Black a novidade fica por conta do artigo Soho, sarja 3×1 com 8,5oz, em algodão, poliéster e elastano, com 1,45m de largura e excelente custo benefício em trama branca.


“Na coleção passada nós lançamos uma cor chamada CarbonBlue, que fez muito sucesso, por isso lançamos justamente nesse tom o artigo Chamonix, que é um algodão elastano, com 1,72m de largura, é um BlueBlack que você consegue trabalhar o azul ou cinza. Temos também a versão com poliéster dele, o Cannes, pois é uma questão de preferência, tem cliente que prefere, então fizemos as duas versões no cetim, possibilitando uma ampla cobertura do tecido. Já o Lyon é uma sarja 3×1 com 10oz, em 100% algodão, perfeito para o público masculino”, finaliza Maria José.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR / DIVULGAÇÃO