Vietnã é novo alvo de ações da Jeanologia

E heis que o Vietnã novamente é alvo de ataques e grandes revoluções. Felizmente, desta vez pacíficas e eco-elegantes. O país, vem se tornando foco de investimentos na indústria denim global, devido à sua localização geográfica, que o torna um destinatário natural de toda a produção da China, a grande potência têxtil global. Entre as marcas varejistas que atualmente focam o Vietnam para suas ações no quesito produção de jeans, constam nada mais nada menos do que a Uniqlo, Zara, H&M, G-Star e Calvin Klein.


Nesta semana, a companhia Espanhola Jeanologia, líder no desenvolvimento de tecnologias sustentáveis voltadas para o beneficiamento da indústria denim, torna ainda mais concreta a proposta do Vietnã emergindo como um centro de excelência em produção de jeans. Em parceria com a PPJ, uma das maiores produtoras e exportadoras de produtos têxteis do país, a mesma anuncia a implementação de tecnologias como o Ozônio nas indústrias do país, assim como as demais tecnologias sustentáveis disseminadas pela empresa. O compromisso e a parceria entre as empresas, foi firmado nesta semana durante a exibição da feira têxtil industrial Saigon Textile & Garment.


Tecnologias como ozônio estão sendo implementadas, assim como equipamentos mais amistosos ao planeta desenvolvidos pela companhia estão sendo adotados pelo setor. Atualmente a produção de uma calça jeans no Vietnã requer 100 litros de água e 300 gramas de produtos químicos, em contrapartida, com os métodos eco-elegantes disseminados pela empresa, o gasto é reduzido para 30 litros de água e 150 gramas produtos químicos.


VIVIAN DAVID | FOTO: DIVULGAÇÃO