Junya Watanabe coloca o upcycling em meio ao rock’n’roll

Sabe aquela vontade de pegar todas as roupas do armário que não foram usadas durante esse período de lockdown e investir em um mix and match super criativo e cheio de referências que contam histórias? Foi exatamente isso que o estilista japonês, Junya Watanabe realizou com maestria, seguindo seu caminho no movimento do rock´n´roll com muitos coturnos, makes e cabelos coloridos e até uma pegada punk.

A coleção “Immortal Rock Spirit” trouxe uma moda feminina, no gender, em looks que mesclam muitas camisetas com estampas de bandas clássicas como Kiss, Aerosmith, AC / DC, Rolling Stones, Queen e The Who, além de colaborações com a Levi’s® nas peças em jeans e com a grife Versace em lenços barrocos clássicos.

Modelagens amplas, sobreposições de jaquetas em nylon, tricôs, trench coats, túnicas, peças em alfaiataria, leggings no anima print, o camuflado em peças com referências militares, tudo é possível nesse patchwork de tecidos, estampas e shapes.

O original denim surge muito bem trabalhado, ora em recortes com plissados, ora totalmente repaginados como uma calça que vira capa ou saia com aplicações de peles intercaladas ou ainda o modelo com o cós deslocado e a mistura dos lenços estampados juntamente com o denim vintage.

As calças são oversizeds com barras viradas e esbranquiçados com aplicações de tecidos super coloridos nas laterais ou ainda remendadas e reconstruídas onde tornam-se parte de outras peças como o vestido com abertura frontal numa colagem com o blazer risca de giz, sem manga retirado do terno masculino. Destaque ainda para o colete com reserva de cor e desfiados e maxi jaqueta super clean.

O estilista sabe como ninguém dar outro significado às peças clássicas como um autêntico jeans da Levi’s® ou um terno, renovando e criando novos modelos, sem perder o viés do movimento rocker para mulheres fortes e de atitude.

Uma moda utilitária repleta de detalhes e inspirações em diferentes estilos com uma pegada urbana e, que pode muito bem ser usada nas ruas de qualquer cidade no mundo. Para um mix de produtos mais comercial, vale apostar nos patches com estampas diversas sempre valorizando o denim original, sem grandes beneficiamentos.

Para investir nesse estilo irreverente no dia a dia, ouse mesclar padronagens em acessórios ou sobreposições de itens em tecidos diferentes. O denim pode ser usado em calças retas, croppeds ou clochard, e nas jaquetas e coletes oversizeds ou ainda use a imaginação e recrie, em casa mesmo, uma nova peça a partir do seu velho jeans surrado.

Fonte: Vanessa de Castro | Fotos: Reprodução