Kohzo aposta em tecidos diferenciados e peças duradouras

Durante a última edição da Bread and Butter, uma das marcas que nos chamou a atenção foi a japonesa Kohzo. Criada em 2001 por Shauket Imam, a Kohzo tem como princípio unir a tradição do denim japonês à tecnologia e matérias primas naturais. Conhecida como sendo sinônimo de “étnico glamouroso”, os tecidos para as coleções da marca são à base de bambu, semente de cânhamo, washi (fibra de papel japonesa), folhas de banana, fibras de hibisco e abacaxi.

Outro ponto interessante é que apesar dos acabamentos ficarem com aparência e toques super atuais e tecnológicos, a base para tingimento e beneficiamento também é toda feita de forma natural, com o tradicional índigo aliado a outros elementos naturais como frutas e carvão vegetal. Além disso, os tratamentos das peças são feitos de maneira sustentável e eco-friendly, provando que, ao contrário do que muitos acreditam, é possível ter um produto alinhando com as tendências da moda e apelo trendy com uma produção natural e menos impactante para o meio ambiente.

Para o verão 2015, a marca apresentou seus tecidos naturais aliados ao apelo do activewear, resultando em uma combinação que mixa sport e streetwear. Os acabamentos à laser, desgastados e estampas digitais são propostos pela Kohzo para o look total denim, focando não só nas calças como também em jaquetas e tops.

Os produtos da marca reconhecem em sua essência a importância cultural do oriente e do ocidente, as tradições e o design munidos de responsabilidade social e ambiental. Na era do descartável, produtos duradouros é o luxo da sustentabilidade, acredita Shauket.

MARINA COLERATO | FOTOS: DIVULGAÇÃO