Ornamentando o jeanswear: ripped, bordados e bolsos diferentes

Cada vez mais o mercado jeanswear busca diferenciação em meio às inúmeras opções que vem surgindo. Dentro desse contexto é sempre muito bom lembrar quem é o seu público-alvo, quais suas preferências, seu estilo de vida, suas necessidades e aí investir pesado no que realmente vai prender o olhar e chamar atenção. Inseridos em um segmento onde é possível passear por diferentes tendências é possível definir exatamente qual caminho seguir. Apresentamos aqui referências pesquisas nos lançamentos das principais tecelagens brasileiras para o Verão 2018.


Pensando nos detalhes de bolsos, eles surgem incrementados por novos formatos, recortes, sobreposições, costuras marcadas ou mesmo com fios soltos nas laterais. Entram aí também efeitos used com puídos, amassados, manchas de sujinho, “falsos bolsos” ou modelos chapados, lisos, tudo mais clean. Marmorizados e detalhes de zíperes renovam apenas os espaços decorativos com recortes quadrados e dobraduras. E, por que não acrescentar patches? Super criativos eles podem vir com sobreposições nos modelos faca e relógio. Para o segmento feminino que não abre mão de pedrarias, os bolsos podem ser substituídos por miçangas, pérolas e, pedras que fazem sucesso na jegging com lavagem bem clara.


Outra inspiração que vem permeando o denim já algum tempo e surge cada vez mais elaborada é o geometrismo conquistado em lavanderia numa alfaiataria de luxo como se fosse uma obra de arte milimetricamente pensada e planejada juntando retalhos e, mais uma vez pensando no conceito “upcycling”, onde reutilizamos sobras de tecidos incorporando novos modelos e ideias super modernas. Nessa pegada entram patches aplicados em formatos quadrados ou qualquer outro desenho e, contrastes de lavagens feitas à laser. Ainda unindo “moda e arte” temos as pinceladas coloridas com inspiração nos grafites e no estilo streetwear decorando peças que entram num conceito mais irreverente e rebelde com foco no segmento jovem. A mistura de tonalidades também pode ser vista juntamente à estampas ou como um dip dye com manchas.


Os patchs aplicados aleatoriamente ora ganham desfiados ora respingos de tinta ou amarelados ou ainda vêm com fundos em tons diferentes juntamente com cerzidos. Já os rasgos fazem sucesso em qualquer peça, seja ele em pontos localizados ou bem exagerados. Ainda no contexto totalmente street e urbanwear surgem os efeitos “rippeds” com rasgos e desfiados super detonados permeando jaquetas, coletes, calças e os shortinhos da estação. Essa é uma tendência que surge principalmente no delavê e baby blue valorizando o aspecto vintage totalmente destroyer.


Quando falamos em ornamentação não podemos esquecer os bordados que sempre estiveram presentes no mundo jeanswear mas que a cada temporada redescobrem novas referências e temas. Para o Verão continuam os florais e pássaros maiores e mais elaborados, coloridos ou delicados juntamente com motivos étnicos. Esses detalhes podem vir junto com efeitos useds mesclando variados estilos. No chambray bem clarinho os desenhos são discretos no mesmo tom do tecido, com vazados e no estilo romântico, principalmente nos decotes e barrados.

VANESSA DE CASTRO | FOTOS: EQUIPE GUIA JEANSWEAR