Repertório de moda atual para as saias evangélicas

Na moda de rua atual todos usam jeans, mas alguns com restrições e limites de modelagem e comprimento. Estamos falando do público evangélico, que de acordo com os dados mais recentes do IBGE aumentou 61,45% em 10 anos no território brasileiro. E se antes a grande maioria desta população era composta por um perfil mais tradicional, cuja indumentária deveria obedecer à saias longas, mangas comportadas e pouco ou nenhum decote, hoje assistimos ao crescimento de um perfil mais atual, que procura modernidade e liberdade na moda, sem ferir os códigos da indumentária que estão relacionados às suas crenças.


Para quem trabalha este segmento, a temporada de Verão 2014/15 traz um repertório de moda inspirador. Com a ampliação do mix em denim, as saias ganham mais espaço e diversidade nas coleções, e o formato mais longo é o predominante. Temos comprimentos acima ou abaixo do joelho, ambos alinhados às exigências do discurso evangélico, colocados com muita modernidade. Entre os destaques estão graciosas versões rodadas, o discurso urbano jovem das construções em modelos máxi, a etiqueta da modelagem lápis e até mesmo a versatilidade da saia básica, alterada por alguns centímetros à mais e pelo toque feminino do corte evasé.


As saias rodadas quase sempre são propostas em denins leves e lavagens homogêneas. O visual remete bastante ao jeitão de editorial, ao look alinhado da alfaiataria, maduro e feminino. São modelos numerosos e insistentes no varejo net, caracterizados pela simplicidade da forma e grande efeito no visual. Trata-se de um formato que emerge como um grande desejo no guarda-roupa feminino atual e se mostra absolutamente adequando ao perfil evangélico.


Na modelagem da saia lápis entram as experimentações de lavagens bleached, tie-dye, estampas à laser, efeitos de devorês, e desconstruções na modelagem que reformulam completamente seu discurso, rumo às mais recentes palavras de ordem e vanguarda. Um bom exemplo é o modelo da Acne Jeans, retorcido, desigual, dispensando a pala em um dos lados de sua traseira. Um visual que sem dúvida atende ao público, e o inclui nos movimentos da moda.


A saia reta aparece como uma variação do formato lápis, atualizada pelo comprimento mais longo e tubular e fendas mais profundas na traseira. A lavagem prima pela aparência do blue denim em seu estado mais homogêneo.Temos também a saia no formato sereia, uma boa solução para contemplar o visual evangélico com feminilidade, apelo de moda e discurso de novidade. Nossa galeria agrupa imagens do varejo net, pensando toda a diversidade de gostos e preferências que vem sendo observada dentro do público evangélico.


VIVIAN DAVID / FOTOS REPRODUÇÃO