Tommy Hilfiger está desenvolvendo tecnologia para desfiles digitais

Com sede na Europa, a grife norte-americana Tommy Hilfiger está realizando testes para novas tecnologias para seus desfiles de moda online. A novidade está sendo desenvolvida no centro de inovação em Amsterdã, onde a empresa está experimentando projetos e hologramas em 3D que poderiam ser usados ​​durante eventos digitais.

Desfile Tommy Hilfiger durante Semana de Moda de Londres 2020

A intenção é sediar desfiles de moda que não exigiriam que um grande número de pessoas se reunisse no mesmo espaço físico, que tem sido coibido devido a pandemia do Covid-19, o novo coronavírus, pelo mundo. O uso de realidade virtual tem sido uma alternativa, assim como realidade aumentada e soluções de realidade mista. Há ainda opções para substituir modelos vivos por avatares virtuais.

“Estamos investigando isso. Também tentamos digitalizar completamente essa cadeia de valor e tentamos ativar os desfiles virtuais”, apontou Daniel Grieder, diretor executivo da Tommy Hilfiger Global e PVH na Europa.

Os testes já estão sendo implementados pela marca durante a pandemia, que buscam responder se há viabilidade nos programas digitais. A expectativa é que a implementação venha logo após o fim da crise de saúde que alastra o mundo.

“Fizemos alguns testes, é algo novo e acho que o consumidor final e o comércio vão gostar. Assim que esse vírus acabar, e voltarmos ao novo normal, tentaremos implementá-lo em alguns meses. A tecnologia já existe, a tecnologia foi testada por nós e vemos grandes oportunidades nessa direção”, completou Grieder.

Fonte: Redação | Foto: Reprodução