Ultrapassando fronteiras no novo cenário da moda

“esse momento
concentra sua essência/
na força da transformação/
convidando todos/
a viver o desafio de desbravar outros territórios/
promover novas conexões/
e experimentar juntos/
novos tempos e espaços//”

TRAN[SP]POSIÇÃO gerando novas transformações. Esse é o mote da SPFW46 que acontece até 26 de outubro em dois novos espaços: Farol Santander, no centro, e o espaço ARCA, na zona oeste.

Os visitantes vão poder conferir a exposição José e João, com 120 imagens de moda criadas a partir do encontro dos DJs Zé Pedro e Johnny Luxo, com o diretor criativo Eduardo Dugois. O que começou como uma brincadeira, para a criação dos flyers da festa “Avec Elegance” virou um desafio ao lado de outros profissionais que também compraram a ideia de “brincar” com essa dupla tão similar e diferente na mesma medida. O resultado é uma soma de vontades por um mundo menos chato e o desejo de recuperar o lado leve e divertido da vida. A exposição “José e João” poderá ser vista simultaneamente no SPFWN46 e no CEU Jaguaré.

Uma reflexão sobre o tempo e o regate da espontaneidade são o mote do projeto artístico Contra o Tempo. Idealizado por Paulo Borges e Gustavo Zylbersztajn, o projeto, que será finalizado em outubro de 2019, resgata o processo analógico numa contraposição à instantaneidade do digital, mostrando na linha do tempo a transformação dos retratados. Durante a edição 46 do SPFW, um recorte de 80 imagens das mais de 300 já produzidas poderá ser visto nas telas do ARCA.

Como parte da mostra, as pessoas poderão fazer seu autoretrato em um set/ instalação no evento. As fotos serão divulgadas um dia depois no instagram do projeto @contra.otempo, compondo um grande mosaico. Todo fim do dia, sempre após o último desfile, o SPFW N46 terá um DJ convidado com a curadoria artística do DJ Zé Pedro.

Projeto Estufa 2018

Em sintonia com o novo ciclo de transformação, o evento recebe a segunda edição do Projeto Estufa, que nasceu e foi nutrido pela vocação e crença do São Paulo Fashion Week em conectar iniciativas e movimentos dedicados a pensar e criar agora o futuro que queremos. A plataforma promove diálogos e reflexões em torno da criatividade, inovação e empreendedorismo a partir de conteúdos artísticos, estéticos e de conhecimento com uma agenda que inclui desfiles, exposição, masterclasses, talks, labs e feira de startups.

Daniela Thomas assina a co-curadoria, junto com a artista Mari Nagem, da exposição do Projeto Estufa, que reúne 17 artistas contemporâneos. Alguns trabalhos são desenvolvidos durante o período da mostra que conta com a participação de Anais Karenin; Cal Kielmanowick; Fernando Velazquez; Fred Pinto; Lina Lopes; Mari Nagem; Marina Kosovski; Renato Custódio; Álvaro + Oda; Mau Maker; Pedro Gallego; Renata Melo; Rochelle Costi; Rodrigo Moreira; Sara Não Tem Nome; e Simone Barros.

Nos talks e masterclasses, há discussões e aprendizados em torno de questões como biomimetismo, inteligência artificial, sustentabilidade, neurociência, economia circular e futuro do trabalho – temas que estão moldando o nosso futuro. A curadoria é de Graça Cabral, co-fundadora do SPFW e idealizadora do Projeto Estufa.

Uma exposição de starts ups com curadoria do Sebrae reunirá empreendedores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Pernambuco, que terão mentorias, participarão de pitchs em horários pré agendados, speed meetings e rodadas de negócios em horários pré agendados.

A experiência Projeto Estufa dá acesso às masterclasses que acontecem no Farol Santander e aos desfiles, talks, exposições e labs que acontecem no ARCA. O valor é de R$ 300,00 (R$ 150,00 meia entrada) para um dia e R$ 800,00 (R$ 400,00 meia entrada) para a programação completa dos três dias. Vale destacar que os espaços dos labs são sujeitos à lotação. É possível participar adquirindo ingresso pelo site tudus.com.br.

Os Centros Educacionais Unificados (CEUs) da capital paulista recebem mais uma vez o projeto “Moda no CEU”. Essa será a 9a edição da iniciativa, realizada pelo SPFW em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, e que visa promover ações inspiracionais e vocacionais que possam gerar experiências positivas de conhecimento em áreas de atuação na Economia Criativa, ampliando horizontes de trabalho e oportunidades.

Após ter levado desfiles até as unidades ao longo desses anos de existência, pela primeira vez, o CEU irá ao SPFW. A ação é organizada pelo IN-MOD e durante a semana de moda, entre os dias 22 e 25 de outubro, quatro grupos de 40 pessoas participarão de vivências no evento. Na ocasião alunos, frequentadores e coordenadores dos CEUS participarão de uma programação que inclui visita aos ambientes de exposição, áreas de convivência e desfiles do Projeto Estufa, com o objetivo de permitir acesso a um ambiente de conhecimento, inspiração, inovação e oportunidades no São Paulo Fashion Week, resultando em experiências de forte impacto educacional e vocacional.

Fonte: Redação | Fotos: Reprodução