Empresas do setor têxtil apresentam crescimento no ranking anual da Revista Exame

Chegou às bancas a 41ª edição do Anuário da revista Exame com as Melhores & Maiores empresas do Brasil. A chamada “Bíblia dos Negócios” traz um panorama com mil empresas de diversos setores da economia, entre eles o agronegócio e o agronegócio focado no setor têxtil.

Entre as 400 empresas escolhidas entre as Maiores de Agronegócios, as têxteis que representam o denim estão presentes no ranking. A Tavex ocupa 179ª posição, seguida da Cedro Têxtil na 268ª posição e pela Capricórnio S/A na 324ª.

Já o ranking das 10 Melhores no Setor Têxtil, liderado pela Guararapes, mesmo grupo da Riachuelo, apresentou a Vicunha em 3º lugar, seguido pela Santanense e Capricórnio. Mesmo com as peças importadas representando 20% das vendas do varejo nacional, a maioria das empresas têxteis apresentou aumento no seu número de vendas líquidas, mostrando o poder do mercado consumidor nacional.

De acordo com Maria José Orione, diretora de planejamento estratégico da Capricórnio S/A, o destaque numa publicação tão renomada, comprova a dedicação de uma organização que tem investido cada vez mais em processos, novos maquinários e inovações no mercado têxtil. Em 2014, a empresa deve investir R$ 15 milhões, direcionados à área de acabamento e ao balanceamento da produção, promovendo um aumento de capacidade da ordem de 10%.

MARINA COLERATO | FOTO: REPRODUÇÃO