Moda é líder em índice de internacionalização de franquias

O mercado da moda vive um momento de expansão. Segundo estudo promovido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), ao lado da Apex Brasil, o setor é líder no crescimento da internacionalização de franquias.

O levantamento já consolidado de 2019, divergindo dos dados gerais prévios, indica que existem 163 redes nacionais com operações em 107 países. A moda é o mais representativo entre eles, com 35 marcas, sendo seguida pelo segmento de saúde, beleza e bem-estar, com 32, e alimentação em terceiro lugar, com 25.

“2019 foi um ano muito positivo para a internacionalização de franquias brasileiras. Várias marcas deram início a este processo e outras fecharam negócios em mercado importantes. Temos notado inclusive projetos mais sofisticados envolvendo máster franqueados e/ou multifranqueados locais”, apontou André Friedheim, presidente da ABF.

“Temos casos, por exemplo, da abertura de uma unidade e o fechamento de acordos para inauguração de dezenas de unidades nos EUA de uma franquia de Alimentação e a inauguração de uma franquia odontológica na China, dentre outros”, completou.

Os Estados Unidos seguem como o principal destino das marcas brasileiras no exterior, com 67 redes operando localmente. Já Portugal se mantém como o segundo país mais procurado, com 44 marcas, e o Paraguai em terceiro, com 36 redes. Em todos os países houve elevações significativas da atuação de franquias brasileiras.

No movimento contrário, a ABF registrou a existência de 214 redes estrangeiras operando no Brasil, originárias de 30 países, crescimento de 13% e 25% em relação aos indicadores de 2018, respectivamente. Aqui, os Estados Unidos também mantêm a liderança, com 81 das marcas, e Portugal permanece na segunda posição, com 22. A Espanha vem a seguir, com 17.

Fonte: Redação | Foto: Reprodução