Rendimentos pela net duplicam na Levis

Levis Strauss &Co fechou o primeiro quadriênio de 2013 no final do dia 24 de Fevereiro de 2013. A companhia teve um decréscimo de 2% nos resultados da net em comparação com o ano anterior. No entanto, os rendimentos da net foram duplicados.



A companhia californiana de jeans justificou o resultado pela baixa das vendas na região da Ásia Pacífica e pelo impacto dos negócios da licenciada Levi`s boys. Simultâneamente, no primeiro quadriênio os rendimentos aumentaram 117%, $107 milhões, em comparação com os $49 milhões do primeiro quadriênio de 2012.



“No primeiro quadriênio, nós geramos um forte fluxo de caixa e enviamos um alto volume de rendimentos marginais e da net, à despeito ligeira baixa nos resultados, ” disse Chip Bergh, presidente e chefe executivo do escritório Levis Strauss & Co. “Nós nos comprometemos em reduzir o débito e fortalecer o balanço patrimonial. Nosso caixa flutuante e o refinanciamento bem-sucedido de débitos que executamos após o fechamento do primeiro quadriênio permitiu-nos pagar o baixo valor de $185 milhões por nossos débitos neste ano.”



O alto lucro da Levis no primeiro quadriênio aumentou para $592 milhões em comparação com $549 milhões no mesmo período de 2012. O alto volume marginal para o primeiro quadriênio era de 52% dos resultados em comparação com 47% dos resultados para o mesmo período de 2012. Como as razões para a melhoria dos ganhos marginais, Levis declarou o baixo custo do algodão, o aumento das vendas nas lojas de varejo da companhia e seu respectivo impacto favorável.


REDAÇÃO | FOTO: REPRODUÇÃO