São Paulo está entre as principais capitais da moda

O Global Language Monitor divulgou recentemente o resultado do seu 10th ranking anual que aponta as mais relevantes capitais da moda. Intitulado The Global Language, o estudo é embasado em uma análise anual que rastreia o uso específico de palavras e frases relacionadas à moda na internet, blogesfera, social media e lojas online.


Depois de Londres ficar no topo da lista de 2011 e 2012, chegou a vez de Nova York tomar o posto. O diretor de moda do Global Languege Monitor, Bekka Payack, explicou: “Nova York realmente ganhou o topo da lista por sua disciplina e sua relação criativa, mesmo que metódica, para com a moda”. No segundo lugar Paris, a capital da alta-costura e que vem ganhando mais importância no prêt-à-porter e Londres que agora ocupa o terceiro lugar.


Payack acrescentou ainda, ressaltando a importância do estudo: “O ranking desse ano demonstra a energia criativa que está emergindo pelo mundo, em termos de moda como profissão, rendimento e gerador de renda, sem mencionar o prestigio associado a exportar o seu senso de moda para o mundo”.


Obviamente, há muito a ser feito para conquistarmos uma história relevante na moda mundial, porém a importância de São Paulo ocupar o 15º lugar e ter perspectivas de subir de posição é importante e demonstra a consolidação do mercado de moda nacional como gerador de negócios, renda e empregos. Vanessa Friedman do Finantial Times simplifica: “Não é apenas barulho. É turismo, são empregos e escolas. E marketing, claro”.


Confira o ranking:


1 – Nova York

2 – Paris

3 – Londres

4 – Los Angeles

5 – Barcelona

6 – Roma

7 – Berlim

8 – Sydney

9 – Antuérpia

10 – Xangai

11 – Tóquio

12 – Milão

13 – Florença

14 – Madri

15 – São Paulo


16 – São Petesburgo

17 – Moscou

18 – Cingapura

19 – Miami

20 – Hong Kong

21 – Praga

22 – Nova Déli

23 – Cracóvia

24 – Varsóvia

25 – Dallas

REDAÇÃO | FOTO: REPRODUÇÃO