Shapes e maldições no verão 2014-15 de Vivienne

Efetivamente, não poderia haver um conto mais apropriado para vestir a inspiração de Vivienne Westwood, do que “Sapatinhos vermelhos”, de autoria do clássico poeta dinamarquês Hans Cristian Andersen. A história da menina pobre que adorava seus sapatos vermelhos, os quais guardavam uma maldição que a obrigou a dançar até a morte, foi interpretada pela modelo e atriz inglesa Lily Cole, logo no início do desfile, no primeiro dia do London Fashion Week, e toda a ambiência, os bosques retorcidos da história, o toque de tragédia do conto foram devidamente contemplados pelo estilo rebelde e subversivo de Vivienne.


O denim não realizou sua aparição, entretanto o apelo irreverente da designer torna sua coleção uma leitura obrigatória para o segmento. Logo de início a vocação contestadora da designer se diferenciou dos desfiles de New York, por enfatizar outros volumes e formas nas calças e demais peças de sua coleção. Um bom exemplo é a fusão do formato estilo “bolha” com as saias lápis, ao invés do tão trabalhado caimento evasé colocado pela grande maioria dos desfiles já apresentados para primavera 2014 (2015 brasileiro). Outra grande ênfase foi a construção clochard, em calças e shorts onde a estilista, com coerência, enfatizou toques bem dosados de vermelho. Além do tom “maldito”, Vivienne transitou também pelo branco, bege, laranja queimado e e alguns tons de azul.


O cenário dos bosques tão descritos por Hans Cristian Andersen em seus contos, ganharam bom visual nas estampas botânicas, que a designer abstraiu totalmente do seu sentido mais delicado através dos “moulages” retorcidos. O jeitão baggy nas calças, tão característico de Vivienne, também foi contemplado pela coleção. Entre as informações mais relevantes, passíveis de serem levadas para o segmento jeanswear, destacamos o visual das padronagens florais, o xadrez na paleta bege “encardida”, o vermelho como uma cor confirmada para calças e shorts, e o estilo clochard como uma versátil oportunidade para tornar o mix de calças diversificado.