Denim Meeting Pernambuco online traz informações para fortalecimento do setor

O Guia JeansWear, em parceria com o Sebrae e o Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco (NTCPE), promoveu no último dia 17 de setembro, o Denim Meeting Pernambuco. O evento ocorreu em uma edição totalmente online com foco no “Novo Normal”, apresentando muitas informações relevantes para o setor denim.

Estilista, consultor e idealizar do Novo Brás, Robi Spatti iniciou o evento abordando as “tendências de moda jeanswear para a criação de coleções mais assertivas”. Ao todo, foram três os principais temas para o Inverno 2021, que prometem continuar por algumas estações:

Perseverar: O home office e a necessidade de ficar em casa trouxe o conforto como elemento primordial das vestimentas, por isso, o investimento em produtos com tecidos leves, macios, com elastano, malha denim e moletons e, que possam passear entre o dia a dia e os exercícios físicos.

Renascimento: Momento de renascer em diferentes sentidos e, também na forma de consumir valorizando produtos que possam durar mais no guarda-roupa contribuindo ainda para a preservação do meio ambiente.

Escapismo: Em uma pegada mais ousada onde a vontade de sair e se divertir entra em jogo seguindo a tendência de uma demanda reprimida pós-crise, ganham destaque a versatilidade dos estilos grunge, punk e gótico em peças no black e modelagens mais curtas.

Principais shapes e detalhes que permeiam os temas da temporada

Conforto e glamour andam juntos no mix de curtos e alongados em pantalonas com cintura mais alta e pregas, jaquetinhas, shortinho queridinho do momento no modelo com gancho baixo, acinturado e evasê com recorte aberto inspirado na peça de Alexander Wang. Aqui, o jeans híbrido traz aspecto reciclado e pode vir com desfiados que imitam pele ou mix de tecidos com moletom ou malha no conceito upcycling. A alfaiataria é moderna e pode ser trabalhada em recortes ou proporções diferenciadas.

Em lavanderia, os ácidos, sky e tie dye continuam em alta. Vale trabalhar com pontos de luz, efeitos amarrados, degradês e jatos de tinta. Destaque ainda para peças aconchegantes com pelos e peles, jaquetas forradas com efeito matelassê em jeans ou sarja.

Os vestidos são mais estruturados, com decotes, detalhes de bolsos e desfiados ou mais românticos com tecidos leves. Os brilhos não ficam de fora, juntamente com cristais, pedrarias, foil, pérolas. O militarismo continua no segmento e pode ser visto em casacos no delavê, com mangas bufantes e acinturados. Já as saias passeiam entre as mídis, médias e curtas e ganham babados, assimetrias e abotoamento frontal.

Bordados nunca saem de moda assim como o estilo grunge urbano com looks em black ou blue black. Destaque para as jaquetas com aplicação de couro, grafismos, rasgos e puídos.

As calças se reinventam e viram desejo de consumo em novas modelagens aliadas ao conforto com tecidos leves e stretch e detalhes diferenciados. Destaque para o shape saruel ou harém com palas ou utilitário, calças com correntes e aplicações na barra, mais largas ou oversizeds, flare com babados, barras marcadas, pantalonas e a bootcut.

Looks de vestidos usados com shorts e calças ganham as ruas no estilo luxo sportswear. O jeans raw pode ser visto com costuras marcadas. Toques artesanais permeiam jeans e sarjas renovando as peças.

Entre os colors o aspecto utilitário continua em alta em tons de bege, oliva, cáqui, além de tons vivos como amarelo, vermelho, laranja e azuis. O conceito upcycling numa pegada despojada ganha vida nos looks masculinos. Ainda para os homens, o vintage surge em calças, camisas trabalhadas em lavanderia com rasgos, resinas e bigodes.

Confira a transmissão na íntegra do Denim Meeting Pernambuco:

 

Fonte: Vanessa de Castro | Fotos: Reprodução